Projetado por Charles e Ray Eames

Cadeira Eames Wire

Eames Cadeira lateral de arame com uma base de arame, vista de um ângulo de 45 graus.
 

Integridade na forma, função e contexto

Eames Cadeira lateral de arame com uma base de arame, vista de um ângulo de 45 graus.

Cadeira Eames Wire

Talvez mais do que qualquer outro projeto em sua obra, a cadeira inteiriça representa o desinteresse dos Eames na estética superficial e sua abordagem agnóstica em relação ao material. Para eles, o mais importante era a integridade da forma, função e contexto, ou como Charles disse muitas vezes: "O melhor para a maioria por menos." Esta atitude os forçou a explorar a cadeira inteiriça com vários acabamentos, materiais e configurações básicas.

 

A cadeira Eames Wire é uma iteração única na evolução contínua da cadeira inteiriça. Nos anos 50, o escritório dos Eames começou a experimentar com arames torcidos e soldados. Inspirado por bandejas, formas de vestido e cestos, a equipe desenvolveu várias peças, incluindo a versão com arame da forma inteiriça única. A cadeira Eames Wire vem com uma opção de base de arame e assento de couro acolchoado, ou duas almofadas tipo "biquíni" de tecido resistente; ambas as versões estão disponíveis em várias cores.

Close-up do assento de duas peças opcional em forma de biquíni em uma cadeira lateral Eames Wire.

Para todas as necessidades

Uma afirmação famosa de Charles Eames é “O papel do designer é o de um anfitrião muito bom e cuidadoso que antecipa as necessidades de seus convidados”. Com as cadeiras de plástico moldado, fibra de vidro e de madeira inteiriças, além da cadeira de arame, o casal Eames criou uma resposta universal para o que todos desejam em uma cadeira: forma simples e graciosa que se adapta a qualquer corpo, em todos os lugares.

Um cartaz mostrando fotos de várias peças de mobiliário moderno de meados do século.
Ray e Charles Eames, designers do Eames Molded Wood Stool.

De todas as maneiras

Criada a partir das primeiras investigações de Charles e Eero Saarinen com moldagem de madeira compensada na Cranbrook Academy em 1939, e continuada com Ray no Eames Studio em Venice, Califórnia. A cadeira moldada é um exemplo do processo iterativo dos Eames e seu desejo de fazer “o melhor para a maioria por menos”. Com cada nova forma, acabamento e configuração, o casal Eames continuou a testar os limites do que o molde da cadeira poderia ser: depois de experimentar com compensado de forma única e metal estampado, eles usaram fibra de vidro e experimentaram arame dobrado; quando a produção de fibra de vidro se mostrou prejudicial para o meio ambiente, eles decidiram transferir a produção para um plástico mais seguro. Agora, com os avanços na composição segura de fibra de vidro e tecnologias dinâmicas de madeira, a evolução continua com as cadeiras Molded Fiberglass e Molded Wood.

Para todas as pessoas

A cadeira Eames Shell foi criada com base no princípio da adaptabilidade oferecendo várias configurações para servir a muitas aplicações e ambientes. É o que faz da cadeira um clássico digno das coleções de museus, bem como salas de estar, lavanderias, recepções e cafés. É o que a transforma em uma ótima mobília para comprar quando se tem vinte anos, mas que ainda tem valor e é relevante o suficiente para repassar aos seus filhos 20 anos depois. Uma seleção diversa de opções de molde, base, cor e acabamento permite que você crie sua cadeira perfeita. Como todas as pessoas, cada cadeira tem uma história.

Imagens históricas de oito cadeiras projetadas por Charles e Ray Eames.

O papel do designer é o de um anfitrião muito solícito e cuidadoso que antecipa as necessidades de seus convidados”.

Mais sobre Charles e Ray Eames

Designers de produtos Ray e Charles Eames